Escolas estaduais participarão da virada educacional #TransformaÊ

20161124_102645

As escolas estaduais do território Piemonte do Paraguaçú irão promover, no dia 6 de dezembro, 12 horas seguidas de atividades para integrar as escolas, as famílias e a comunidade local. Trata-se do “#TransformaÊ: Virada Educacional Bahia”, que será realizado simultaneamente nas escolas de todo o estado. Através da iniciativa da Secretaria da Educação do Estado serão realizadas atividades como oficinas, debates, exibição de filmes, intervenções sociais, revitalização de espaços, exposições artísticas, jogos educativos e apresentações culturais.

As escolas estaduais já estão sendo mobilizadas e se preparando para a atividade que possibilitará a troca de experiências, a apresentação de projetos de arte, esporte, cultura, ciência, inovação e empreendedorismo que são desenvolvidos durante o ano letivo 2016, promovendo o protagonismo estudantil. Além disso, o #TransformaÊ irá oportunizar discussões sobre potencialidades e metas para o Ano Letivo de 2017. Todas as ações têm como foco a valorização da escola pública e uma das perspectivas é a de que o evento também fortaleça, nos estudantes, o sentimento de pertencimento da escola pública como um bem de todos, fazendo com que contribuam com a preservação do patrimônio público.

Concurso cultural – Como desdobramento da iniciativa, em dezembro será lançado o Concurso Cultural “#TransformaÊ: eu vivi”. Para participar, os estudantes deverão fazer fotografias da Virada Educacional Bahia e que represente o conceito do #TransformaÊ. Será escolhida uma fotografia por cada um dos 27 Territórios de Identidade para compor o “Livro da Virada”. A Comissão de seleção será composta por membros da Secretaria da Educação e outras Secretarias. Maiores informações sobre o concurso serão divulgadas posteriormente.

Outra ação importante é a elaboração de uma Carta Aberta pelas unidades escolares. Alinhados ao plano de ação dos/as líderes de classe e ao plano de gestão, a comunidade escolar deverá elaborar uma Carta Aberta com princípios e metas a serem atingidas durante todo o ano letivo de 2017. Formação de Grêmios Estudantis, difusão da cultura local e aumento da taxa de matrícula servem como exemplos de desafios a serem concretizados.